Pular para o conteúdo

Como Ver O Saldo Vale Transporte





    Precisei mudar de emprego há pouco tempo e passei a usar o transporte coletivo para ir e voltar do trabalho. Tinha um ponto perto de casa, e onde eu descia era bem próximo do meu serviço novo.

    Mas eu passei a enfrentar um problema quase que diário: até acabar o meu período de experiência, pagava o ônibus com dinheiro. A questão é que eu tinha muita dificuldade para conseguir dinheiro trocado. Ou então esquecia mesmo de providenciar o valor!

    Passada a minha experiência, recebi da empresa o cartão com os créditos para usar ao longo do mês. Mas ficava na dúvida de quanto eu tinha disponível de saldo. Por isso, perguntei para a gerente do RH como consultar o saldo vale transporte. Ela me entregou um panfleto com as informações.

    Achei bom começar a usar o cartão do vale transporte, porque nem sempre eu tinha dinheiro em mãos. Com o cartão, ficou mais rápido e eficaz me locomover para ir e voltar do trabalho: precisava apenas do cartão para conseguir o acesso livre aos ônibus, sem me preocupar com o valor.

    Fui então verificar como consultar o saldo vale transporte. Afinal de contas, poderia acontecer de eu pagar mico dentro do ônibus se estivesse com o cartão mas sem nenhum saldo! Imagina a situação? E ainda como resultado iria chegar atrasado ao trabalho.

    Para você entender melhor, o vale transporte na cidade de São Paulo é chamado de Bilhete Único. Trata-se de um cartão, parecido com os cartões de débito: ele armazena o valor em dinheiro que você carregar em formato de créditos, que podem ser utilizados nos ônibus, metrôs e trens da CPTM.




    Ou seja, é o vale transporte que você pode usar em todo o sistema de transporte coletivo público existente no município de São Paulo, gerenciado pela SPTrans (São Paulo Transporte S/A), e no sistema de transporte metropolitano, que são os trens e metrôs da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

    De acordo com as empresas, o usuário do Bilhete Único pode fazer até 4 embarques em ônibus diferentes, desde que seja no período máximo de 3 horas. Se for diferente disso, você irá pagar uma nova passagem. Por isso, é importante que você saiba como consultar o saldo vale transporte.

    Acompanhe a seguir as informações e o passo a passo para você saber o procedimento de como consultar o saldo vale transporte.

    Consultar Saldo Vale Transporte

    Como Consultar O Saldo Vale Transporte

    Como Ver Saldo Vale Transporte?

    O vale transporte é muito utilizado por uma grande parcela da população, tanto para as pessoas que precisam ir para seus locais de trabalho como para os estudantes que frequentam a escola durante a semana. Por isso, é importante que saibam como ver saldo vale transporte.




    Se você faz o acompanhamento do seu saldo do vale transporte, consegue fazer o planejamento da sua semana ou mesmo do mês todo, para que não fique sem créditos quando precisar usar ônibus, metrô ou os trens. Eu prefiro fazer o planejamento, mesmo que básico, para evitar surpresas.

    E recomendo que você também faça o seu cronograma, mensal ou semanal. Afinal de contas, você não vai querer entrar no transporte público e descobrir ali que não tem saldo suficiente para pagar a sua passagem. Imagina se é um dia de prova ou então na ida para o seu trabalho? Melhor não arriscar!

    O vale transporte na cidade de São Paulo, mais conhecido como Bilhete Único, pode ser solicitado por qualquer pessoa com mais de 6 anos de idade, desde que possua RG e CPF. Mas o documento tem que ser no nome da pessoa mesmo, não pode ser pai ou mãe, nem mesmo um responsável.

    De acordo com a SPTrans, o cartão do vale transporte é de uso pessoal e intransferível, ou seja, só você mesmo pode usar o cartão, sem poder emprestar para ninguém. Nem mesmo para alguma da sua família.

    Para saber como ver saldo vale transporte, o caminho é feito de forma online: no site da SPTrans. Depois de entrar na página, você vai clicar na opção “Consulte a Situação do seu Bilhete Único”. Em seguida, o site pede para digitar o número do cartão ou seu CPF.

    Por meio dessa consulta, você também consegue verificar ali mesmo no site a validade do cartão de vale transporte e a data da emissão.

    Outra informação disponível é em relação ao status do Bilhete Único, indicando se ele está ativo ou inativo. Se aparecer inativo, significa que o seu cartão pode estar danificado, bloqueado ou mesmo ter sido cancelado. Nessa mesma página, o site vai informar o motivo referente ao seu cartão e irá direcionar você para uma solução.

    Como Se Cadastrar No Vale Transporte

    Se você ainda não é usuário do transporte coletivo mas precisa saber como se cadastrar no vale transporte, vou trazer as informações neste artigo. Se você começou a trabalhar numa empresa ou mesmo já atua em uma, pode verificar com o setor de Recursos Humanos se eles já fizeram o seu cadastro.

    Quem é funcionário de empresa e precisa utilizar o transporte coletivo, geralmente tem o cadastro do vale transporte feito pela própria empresa. Porém, se esse não é o seu caso e você precisa saber como se cadastrar no vale transporte, vou te ajudar agora.

    Para obter o seu primeiro Bilhete Único, que é utilizado para pagar as passagens no transporte da cidade de São Paulo, você vai preencher um cadastro no site da SPTrans. Para isso, além de digitar as suas informações pessoais, precisa enviar uma foto tamanho 3×4 que seja recente.

    Para prosseguir com o seu cadastro, se for o seu primeiro acesso, é necessário que você tenha seus documentos pessoais em mãos, para facilitar o processo. Além disso, deve preencher corretamente os dados, como por exemplo informar seu nome completo e também estar de acordo com os termos do cartão.

    A empresa reforça que, se os dados estiverem incompletos, pode acontecer do seu cartão não ser aprovado. Por isso, tenha bastante atenção no preenchimento do formulário, para evitar ter que refazer o processo de se cadastrar no vale transporte.

    Depois que a foto é aprovada, você precisa ir até um dos locais de atendimento da SPTrans para retirar o seu cartão. De acordo com a empresa, os Postos de Atendimento localizados nos terminais da SPTrans funcionam todos os dias no horário das 6:00 às 22:00.

    Importante você saber que a entrega do seu cartão de vale transporte é feita somente com a apresentação do seu documento oficial com foto. E esse documento precisa ter uma data de emissão de no máximo até 10 anos.

    Uma informação importante que a SPTrans divulga é sobre a validade do seu cartão de vale transporte: o prazo máximo que ele é válido para uso é de até 5 anos. Depois disso, precisa ser renovado.

    Como Recuperar O Dinheiro Do Vale Transporte

    Eu não sou distraído. Muito pelo contrário: deixo sempre minhas coisas organizadas. Mas outro dia estava chovendo forte e quando desci do ônibus ao voltar do trabalho, parei na lanchonete que é perto do ponto para esperar a chuva acalmar.

    Coloquei minhas coisas na mesa, inclusive o cartão do vale transporte, pois precisava secar tudo. Como a chuva demorou pra passar, pedi um suco e um salgado. A chuva passou e fui pra casa. No dia seguinte, ao entrar no ônibus, fui procurar o cartão e nada de encontrar!

    Não sabia o que fazer, pois tinha acabado de virar o mês e meu cartão estava com muitos créditos. Fiquei pensando em como recuperar o dinheiro do vale transporte. Fui conversar com a gerente de RH da empresa e ela me orientou como proceder nesse caso.

    Primeiro, ela disse que eu não precisava ficar desesperado, porque tinha como recuperar o dinheiro do vale transporte. A maneira para conseguir o valor de volta é fazendo o bloqueio do seu cartão por meio do site da SPTrans. Só não demore muito para fazer o procedimento, para evitar ficar no prejuízo.

    Outra maneira possível para informar a perda do cartão e pedir o bloqueio para conseguir recuperar o dinheiro do vale transporte é ligando para o telefone 156. Nesse caso, somente para quem mora na cidade de São Paulo.

    O bloqueio do cartão do vale transporte também pode ser solicitado se você foi vítima de furto ou roubo. Nesses casos, você consegue sim recuperar o dinheiro do vale transporte por meio dos procedimentos citados acima.

    A recuperação é possível porque, quando você faz a solicitação do vale transporte, é necessário registrar o número do seu CPF, que fica vinculado ao cartão. Dessa maneira, com o documento você consegue provar que é o dono do cartão e consegue recuperar o dinheiro do vale transporte.

    Também é possível recuperar o dinheiro do vale transporte indo até a sede da SPTrans, se você é morador da cidade de São Paulo, ou então indo até a Central de Transportes do seu município. Para saber qual posto procurar, verifique no site da SPTrans que informa a localização.

    Chegando lá, peça o bloqueio do cartão e também o resgate do saldo do seu vale transporte.

    Importante você saber que somente depois que o bloqueio é feito é que você consegue fazer um novo pedido de cartão do vale transporte. Se você informou o CPF quando fez o primeiro pedido de cartão, irá conseguir transferir para o cartão novo o saldo que estava no seu cartão que foi perdido ou roubado.

    Porém, se no seu cartão antigo não tinha nenhum CPF vinculado, aí a dificuldade para recuperar o dinheiro do vale transporte fica maior.

    Nesse caso, você precisa procurar o papel que recebeu quando comprou o cartão. Nesse papel tem o número da sua compra, para que seja possível verificar o saldo existente.

    Este artigo é meramente informativo, ou seja, não possui qualquer vínculo com a empresa que oferece o serviço, o que, por acaso, poderá ser citado no decorrer do artigo. Não isentamos a busca de informações no site oficial da operadora.